terça-feira, 28 de julho de 2009

Foi apenas um sonho ruim



Tomei um baita susto no domingo. E não foi sonho não. Eu, super mega power punk forte, tive um "piripac". Isso quer dizer que comecei a funcionar mal, muito mal...e isso não é bom. Fui para o hospital "abraçar o médico" como diz o meu irmão e amigo João Paulo. Fiquei boa! Mas assustada.

Senti-me como um tapete sendo sacudido. Ouvia bem no fundo uma voz que dizia: peraí, vamos conversar, desse jeito não dá. Não sei de quem era a voz, mas funcionou.

Enquanto o soro escorria pela minha veia, alguém pegou-me pelas mãos e como num passe de mágica, viajamos para um campo verde, florido, bem legal, tipo daqueles do filme "A Noviça Rebelde". Mergulhei fundo nos sonhos e desejos. Deixei eles voarem, deixei-me viver!

Permitir viver! É isso. Permitir é o segredo. Dê um presente para si mesmo. Saia vivendo. Pegue o pior dia do mundo para você, e corra para o primeiro dia da sua vida. E comece tudo de novo. Não deixe ninguém estragar o sabor das coisas.

Repito, digo para mim, que foi apenas um sonho ruim. É melhor sair vivendo, como na música do "The Beautiful South". Vale a pena dar uma espiada!


Um comentário:

Cristiane disse...

Carol, Adorei este vídeo!!! Pra variar.... né?? Muito legal!!! Vou até colocá-lo no meu orkut, tá??? Vc precisa se cuidar, hein??? Sua saúde é mais importante que seu trabalho. Pense nisso!!! Adoro vc!!! Bjs, Cris.